segunda-feira, 7 de novembro de 2011

LAGARTOS DO DESERTO

O mais famoso dos lagartos de ambiente desértico é, sem qualquer dúvida, o Dragão Barbudo (Pogona vitticeps)
São animais perfeitos para se ter num terrário. É um lagarto de tamanho médio (pode atingir um máximo de 40-60cm incluindo a cauda) e com a forma típica de um agama, com a cabeça triangular e o corpo aplanado. A coloração está sujeita a mudanças contínuas, que reflectem o grau de insolação, ou o estado anímico do animal. Os machos distinguem-se por terem uma cabeça mais larga e a cloaca está inchada na zona dos hemipénis. É difícil de sexar quando são muito pequenos.


Estes lagartos habitam terrenos pedregosos, áridos ou semi-áridos da zona Este do continente australiano. Tem hábitos diúrnos e é principalmente terrestre, podendo também se refugiar ocasionalmente nas árvores. Em cativeiro, devemos recriar um ambiente árido e quente, com iluminação rica em raios ultravioletas, temperaturas de dia superiores a 28ºC. O aquecimento poderá ser feito com lâmpadas, cabos ou tapetes de aquecimento. No terrário deverá também ter um recipiente baixo mas suficiente grande para o Dragão se poder molhar.

Os Dragões barbudos são omnívoros e devem ter uma alimentação variada (vegetais, frutas, insectos e mesmo pequenos roedores). Em cativeiro deve completar-se a dieta com granulado próprio para Dragões Barbudos e com Cálcio e vitaminas.

Existem várias colorações sendo as mais famosas e mais raras as de cor vermelha.
Na nossa loja costumamos ter a mutação RED GOLD que se caracteriza por uma coloração amarelo torrado, com traços alaranjados ao longo do dorso e na cabeça.

Dragões Barbudos
Pogona vitticeps

Fonte: http://www.zooexotico.com/rep_lag_deserto.htm 

Dragão Barbudo
Pogona vitticeps




Uromastyx
Uromastyx ocellata



Varano da Savana
Varanus exanthematicus


Nenhum comentário:

Postar um comentário